Secretário de Saúde diz que 319 contratos encerrados eram temporários

Em entrevista ao Jornal do Meio-Dia da Rádio Caraípe nesta terça-feira, 31 de janeiro, o secretário municipal de Saúde de Teixeira de Freitas, José Archangelo Depizzol, disse que os 319 demitidos em sua Pasta vinham prestando serviço por meio de contratos temporários.

No dia anterior, o prefeito Timóteo Brito disse nos microfones da mesma rádio, durante o Comando Geral da Rádio Caraípe, que solicitou a demissão 319 funcionários contratados de forma aleatória, sem sua autorização.
Nesta terça-feira, o secretário Archangelo Depizzol, negou novas contratações, “o que houve é que havia contratos temporários da gestão passada, que foram encerrados no dia 31 de dezembro. Como a máquina pública não pode parar, 319 dos contratados, que prestavam serviços à Saúde, tiveram seus contratos prorrogados até 31 de janeiro”, disse.

De acordo com Timóteo, para novas contratações, a prefeitura vai observar à classificação de servidores do concurso já realizado.

Matéria relacionada:

Timóteo demite 319 funcionários contratados sem sua autorização

Por: Sulbahianews/Uinderlei Guimarães