Atualmente, não é preciso esperar que haja pesquisa encomendada para saber o índice de insatisfação de um povo com seu governo. Marqueteiros já apontam, há tempos, que o melhor termômetro de uma gestão é as redes sociais – sobretudo Facebook e WhatsApp. Tamanha verdade é comprovada com o fato de muitos governantes contratarem/criarem setores específicos em seus governos incumbidos de passar o relatório constante do que está ‘rolando’ nas redes sociais.

Com base no que fora dito acima, imagina-se que o prefeito de Teixeira de Freitas, Temóteo Alves de Brito, ou, apenas, ‘Timóteo’ Brito, já saiba o que pensa a repórter da rede Sul Bahia de Comunicação Viviane Moreira. Numa postagem feita na noite de sábado, ela externalizava, com a franqueza que lhe é peculiar, seu descontentamento com a administração para qual fez campanha e participaria mais intensamente caso tivesse vencido o pleito para vereadora.

Até às 21 horas deste domingo, 19 de março, a postagem dela tinha mais de 150 curtidas e 22 compartilhamentos. No entanto, em uma página de vendas do Facebook, os números eram bem maiores (veja na imagem). Além disso, cabe citar, que o texto viralizou no whatsApp, sendo postado em diversos grupos.

No texto, ela traz informações que podem ser consideradas verídicas, posto que Viviane sempre atuou como repórter investigativa e trouxe à luz do povo diversas irregularidades da gestão Bosco, com provas, na maioria das vezes. E, ainda, nestes 3 meses de gestão, até o momento, o que se ouve nos bastidores da política é que o coronel voltou. O medo dos que não apostaram em ‘Timas’ para prefeito tem se explicado com as conversas e informações divulgadas em redes sociais – Postos de Saúde sem médico, medicamentos; fechados, sem energia elétrica; Hospital Municipal sucateado, UPA superlotada devido ao descaso nos PSFs; Secretarias centralizadas etc.

Confira a íntegra do texto dela:

“Apoiei o Sr. Timóteo Brito para prefeito, vesti sua camisa, pedi voto….

Acreditei em suas promessas…

Nunca pensei que depois de eleito, o senhor se mostraria o coronel que sempre foi, deixando a sociedade e população de Teixeira a mercê de seus caprichos, de sua vontade cruel.

De janeiro até aqui, mais de 150 pessoas morreram no hospital regional por falta de medicamentos ou assistência (pode até queimar os arquivos, mas, os parentes sabem, e sairão em meu apoio). Vocês sabiam?

Me processe, esconda a verdade, bote seus fiéis escudeiros de site comprados para me esculhambar e te defender.

O senhor tem renovado contratos com empresas fraudulentas que eu denunciei da gestão anterior, posso provar.

Não suporto mais! Não aguento mais ficar calada, por acordos ou desgraça nenhuma. Até aqui Sr. Timóteo, o senhor só fez vergonha, desumanidade e crueldade com o povo que acreditou no senhor.

Não tenho medo, não lhe devo nada.

Vou te denunciar, vou ao MP, que custe meu emprego, minha reputação, que apareçam fakes de Facebook, que seus escudeiros me esculhambem em cada esquina, mas não vou calar.

Quanto aos que falam da saúde e de Uldurico, que pena!

Uldurico foi apenas mais um que acreditou no gestor, e foi traído igual tantos outros. Sabem a frase, ganhou, mas, não levou?

Timóteo centralizou as secretarias, não autoriza sequer a compra de gaze. Sabiam que desde janeiro não dá para tirar raios-X nas unidades de saúde do município por que não tem filme?

Que dos 45 postos de saúde, apenas 6 funcionam [mas] em condições precárias?

Sabiam que é por isso que a UPA está lotada?

Sabiam que o vereador (Agnaldo dá saúde) que deveria fiscalizar o contrato da saúde, daempresa Provida, tem o filho nesta dita empresa como diretor?

Ou seja, o vereador fiscaliza a empresa que o filho é diretor.

Cansei, chutei o pau da barraca e a partir de segunda, vou mostrar ao povo teixeirense o que se passa na cidade.”

Viviane Moreira, que mereceria a alcunha de repórter coragem caso já não há tivessem, teoricamente, funcionária do aliado do prefeito, Uldurico Pinto, expôs o que sabe/pensa e garantiu que a partir de segunda-feira começará a publicar tudo que sabe. Aguardemos para ver se, realmente, haverá exposição de provas que demonstrem irregularidades na atual gestão.

Em nota assinada pelo prefeito, compartilhada por volta das 21 horas por uma pessoa próxima da gestão no Facebook, ele nega as acusações e sugeri que buscará meios legais para processar a repórter. Também taxa como chantagem subliminar o teor da carta da repórter. Veja abaixo a nota de repúdio.

Por Pauta Diária