Operação conjunta apreende grande quantidade de madeira nativa em Prado

Após várias denúncias, foi realizada operação conjunta da Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Prado, Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBIO) e Companhia Independente de Policiamento Ambiental (Cipa), apreendeu no último sábado, dia 11 de outubro, diversas árvores já cortadas de espécies nativas da Mata Atlântica. O crime ambiental foi descoberto no Assentamento Santa Fé, interior do Prado.mata

O assentamento surgiu de uma fazenda e foi criado no ano de 2009 pelo CDA, órgão do Estado. Na época da criação a fazenda tinha 60% de cobertura vegetal da Mata Atlântica, com várias espécies da fauna e flora. A área é montanhosa e abriga várias nascentes, que abastecem córregos e rios da região.

Segundo informações de populares, a devastação ambiental estaria acontecendo há mais de dois anos, com atuação ilegal de madeireiros de Itamaraju, com extração e venda irregulares de espécies nativas.

Foram encontrados dentro da mata cerca de 50 metros cúbicos de madeiras já cortadas, de diversas espécies como pequi, sapucaia, macanaíba, biriba, entre outras. As árvores extraídas ilegalmente foram transformadas em pranchões, tábuas, estacas, peças e até toras com mais de 30 metros de comprimento.mata2

O local é de difícil acesso e os infratores utilizavam um boi de canga para transportar toda madeira de dentro da mata até a estrada onde eram armazenadas, para posteriormente serem colocadas em caminhões.

Além da grande quantidade de madeira, também foram encontrados no local quatro galões de combustível para motosserra, garrafa térmica, uma catraca utilizada para puxar as toras, duas cangas para transporte no lombo do boi e um boi de canga da raça nelore.

Toda madeira foi apreendida e será retirada do local nos próximos dias. A partir de agora os órgãos ambientais estão tomando todas as providências para identificar e punir os madeireiros, bem como os responsáveis pela venda de atuam dentro do próprio assentamento. Não é descartada que a Companhia Independente de Policiamento Especializado da Mata Atlântica (Cipe-MA), seja convidada para ajudar no caso. Um caminhão parcialmente carregado também foi apreendido. Por Ronildo Brito/TN