Fortes chuvas causam alagamentos e estragos no Extremo Sul

As fortes chuvas que atingem o Extremo Sul da Bahia desde segunda-feira (27) já causam alagamentos e estragos em diversos municípios. Os moradores estão apreensivos e a Defesa Civil de Porto Seguro já emitiu alerta de que o mau tempo deve prosseguir até sexta-feira (31).praca_vivendas

Em Itapebi, a população ficou assustada com o temporal registrado na tarde de terça-feira (28), com ventos fortes, queda de granizo e incidência de relâmpagos.

Sem infraestrutura adequada, as ruas da cidade ficaram alagadas devido ao grande volume de chuva registrado. No bairro Fênix, vários moradores tiveram que deixar suas casas, que ficaram inundadas. Uma residência teve o telhado arrancado pela ventania.

No Bairro Fênix I, o pedreiro Arivaldo Santos de Jesus foi atingido por uma descarga elétrica de um raio que caiu próximo a sua residência. Algumas aves que estavam no quintal morreram atingidas pelo raio, contou o irmão de Arivaldo. ‘Meu irmão estava descascando uma laranja quando recebeu a descarga elétrica e caiu. Ele bateu a cabeça no chão e sofreu um grande corte’, comentou o irmão, Edinho. O pedreiro foi socorrido ao PA Maternidade Nelson Moura, onde está em observação e aguarda transferência para o Hospital Regional de Eunápolis.

Um raio também destruiu parcialmente uma árvore no quintal de uma casa localizada em frente à praça ao estádio municipal. Na mesma região, uma caminhonete Mitsubishi Triton caiu em um buraco ao lado do estádio. A prefeitura está mobilizando a Ação Social para cuidar das famílias atingidas.

Em Itabela, a chuva também causou vários pontos de alagamento, deixando pelo menos seis bairros do município alagados, entre eles Jaqueira, Cedin, Irmã Dulce e Ubirajara Brito.

A Rua Doutor Talma Sampaio também foi atingida pela água, deixando a Casa dos Idosos inundada. Os funcionários agiram de imediato e retiraram os idosos dos aposentos afetados.

Segundo os moradores, o problema do alagamento da Rua Doutor Talma se agravou após a obra asfáltica da prefeitura na Rua Miramar, que elevou o nível da rua, fazendo com que a água passasse a correr em direção à Doutor Talma.

Nenhum responsável da prefeitura foi encontrado pra informar se os moradores afetados pela água receberão algum tipo de auxílio.

Chuvas-alagam-Teixeira3
Shopping Teixeira Mall Center, em Teixeira de Freitas. Foto: RC

Em Eunápolis, os moradores também enfrentam transtornos provocados pelas fortes chuvas, com ruas alagadas que dificultam a circulação de carros e pedestres. O comércio local já sente os efeitos devido ao pouco movimento de clientes. A comunidade da Rua Caribe, no Dinah Borges, não está conseguindo sair de sala por causa da água. Muitas residências foram inundadas e os moradores perderam muitos móveis e eletrodomésticos. Na manhã desta quarta-feira (29), a chuva também abriu um buraco no teto de uma das salas do colégio Monte Pascoal, no centro da cidade. A sala ficou alagada.

Em Porto Seguro, a prefeitura emitiu nota informando que está em alerta diante da previsão de mais chuva e mau tempo para os próximos dias. Todas as secretarias municipais, em especial a de Serviços Públicos, que abriga o órgão de Proteção Civil, estão trabalhando em esquema especial e informam que em caso de efetiva ocorrência de desastre ou dúvidas, deve ser contatado diretamente o telefone (73) 8198-5151.

“Todas as medidas preventivas consideradas cabíveis já foram tomadas, incluindo a verificação de áreas de risco e ativação dos planos de chamada para informar os órgãos locais de apoio quanto à situação e possível convocação em caso de elevação do nível de alerta ou ocorrência”, conforme a prefeitura.

Em Teixeira de Freitas, diversos bairros foram atingidos e a população reclama nas redes sociais da ausência de políticas públicas que resolvam os problemas. O bairro onde está o Shopping Teixeira Mall Center, popular Lagoa, está intransitável, bem com o Bela Vista. Os periféricos também sofrem com a lama e água que invade casas. Fonte: Radar 64/ Pauta Diária