Eunápolis: menina de 12 anos dá à luz bebê cujo pai é o padrasto

filha-padastro
Garota mora em Itapebi e foi abusada pelo companheiro da mãe, que está foragido

Uma menina de 12 anos deu à luz um bebê, na madrugada desta terça-feira (24), no Hospital Regional de Eunápolis (HRE). O bebê nasceu com aproximadamente três quilos após uma cesariana. O pai do recém-nascido é padrasto da adolescente e está foragido.

O padrasto, de 53 anos, morava com a mãe da menina no distrito de Ventania, em Itapebi. Segundo a mãe da garota, seu companheiro havia afirmado que assumiria a paternidade do bebê. “Ele esteve na delegacia, acompanhado do advogado, e disse que assumiria a criança”, lembrou.

O Conselho Tutelar de Itapebi está acompanhando o caso, por se tratar de estupro de vulnerável. Segundo a lei, o crime de estupro de vulnerável, com pena de reclusão de 8 a 15 anos, se caracteriza pela prática de qualquer ato libidinoso com menor de 14 anos ou com pessoa (de qualquer idade) que, por enfermidade ou deficiência mental, não tem o necessário discernimento, ou não pode oferecer resistência.

Segundo informações, esse é o segundo caso, este ano, de menina de 12 anos que dá à luz no Hospital Regional de Eunápolis. Fonte: Radar 64