Enterrado há 10 anos, corpo é achado intacto em cova

O corpo de um homem enterrado há mais de 10 anos na cidade de Poções, a cerca de 452 km de Salvador, foi encontrado inteiro e com roupas conservadas. A descoberta foi feita depois da zeladora do cemitério abrir a cova com objetivo de enterrar no local também a mãe dele, no domingo (14/9), e perceber que o corpo estava praticamente intacto.corpo mumia

Diante da situação, para permitir que os dois corpos ficassem juntos na cova, o corpo da mãe foi enterrado no caixão dela, que não era grande, e o corpo dele foi colocado de lado na cova, de acordo com a zeladora do cemitério, Maria Barbosa de Jesus, 64 anos. Ela relata como encontrou o corpo do homem.

“A mãe dele morreu na madrugada de domingo, então o pessoal abriu o túmulo e deixou o caixão para que eu retirasse os ossos, como sempre faço. Quando abri a tampa do caixão, o corpo estava lá, inteirinho. Puxei a cabeça para ver se soltava, mas nada. Nada do corpo se soltava. Então tirei ele da cova e mandei chamar os familiares”, diz.

Segundo Maria de Jesus, em Poções, quando uma pessoa morre, os familiares contratam ou pedem que alguém abra a cova, mas a responsabilidade de tirar os ossos é dela. A zeladora trabalha no cemitério há dois anos e afirma nunca ter visto algo parecido. “Eu não me assusto com morto porque eles não fazem nada a ninguém. Não senti nada ao ver aquele corpo inteiro, mas foi uma novidade, porque nunca tinha visto isso”, relata. Fonte: G1