Detentos queimam lençóis em protesto no Presídio de Teixeira

PresídioTeixeira de Freitas: Nesta tarde de sexta-feira, 16 de maio, detentos do Conjunto Penitenciário Teixeira de Freitas deram início a um confronto dentro da Unidade Carcerária de Teixeira de Freitas, onde queimaram alguns lençóis em forma de protesto. A equipe de reportagem do Liberdade News foi até o local, mas a situação já estava sob controle.

De acordo com o diretor do presídio, o coronel Osires Cardoso, foram apenas dois presos (que não tiveram os nomes divulgados), que se rebelaram e queimaram os seus lençóis, isso porque esses dois estão impossibilitados de ir para os pátios tomar banho de sol. Foram chamadas guarnições da CETO e da 1ª CIA, que ajudaram aos agentes penitenciários a controlar a situação.

Os policiais fizeram a revista nas selas e as últimas informações é que não havia nenhum outro principio de rebelião. Atualmente o presídio tem capacidade para 316 presos, mas abriga 733. O SINSPEB (Sindicato dos servidores penitenciários da Bahia) ainda não voltou ao normal com suas atividades, continuando com o número reduzido de servidores [30% em atividade]. Por: Petrina Nunes/Liberdadenews