Criador de Chaves, Roberto Bolaños morre aos 85 anos no México

chaves-sbt-roberto-bolanos-morreRoberto Gomes Bolaños, o fundador do personagem Chaves, morreu na tarde desta sexta-feira (28) aos 85 anos na cidade de Cancún (México). Bolaños morreu em decorrência de problemas respiratórios. Desde fevereiro deste ano, Bolaños estava debilitado e não saía da cama. O criador de Chaves morava há um ano no local junto com a sua esposa Florinda Meza, que também era atriz do seriado.

Edgar Vivar, colega de Bolaños e ator que fazia o Seu Barriga na Série, lamentou a morte via Twitter

[twitter-timeline id= 538434758595067905 username= varedg]

Maria Antonieta de Las Nieves, a Chiquinha, agradeceu Bolaños

[twitter-timeline id= 538445870346559488 username= LaChilindrina]

A filha de Bolaños também se manifestou na rede social

[twitter-timeline id= 538454998540386304 username= PaulinaGomez]

Roberto Gomes Bolaños nasceu no dia 21 de fevereiro de 1929 na Cidade do México. Na década de 1950, ele iniciou a carreira como redator de programas de rádio, televisão e de filmes. À época, ele ganhou a alcunha de Chespirito em homenagem ao escritor Shakespeare. O nome é como se fosse um diminutivo do nome do britânico.

Em 1968, Bolaños iniciou os trabalhos em um programa na TV com os atores que fariam parte da Série Chaves. Em 1970, ele criou o personagem Chapolin Colorado. O super-herói é uma sátira dos personagens norte-americanos.

Em 1971, nasceu Chaves. O seriado do menino pobre de uma vila no México fez tanto sucesso que virou um seriado independente em 1973 e foi gravado até 1992. No ano de 1984, o seriado começou a ser transmitido no Brasil pelo SBT. Até hoje, reprises do seriado Chaves passam na TV brasileira. Na América Latina, o seriado foi exibido em todos os países menos em Cuba.

Além de criar Chaves e Chapolim, Bolaños foi o responsável por dar vida aos personagens Chompiras (um ladrão honesto e atrapalhado), Dom Caveira (dono de uma funerária), Doutor Chapatin (um médido ranzinza) e Vicente Chambón (um jornalista).