Confirmada ligação de detenção no Reino Unido com plano para ataque na Austrália

Autoridades australianas confirmaram hoje (20) que há relação entre o adolescente, de 14 anos, detido no sábado (19) em Blackburn, no Reino Unido, e a Operação Rising, ação antiterrorista que visa a evitar um ataque que estaria sendo preparado para o próximo sábado.

O atentado em solo australiano estava sendo planejado para o dia de Anzac (sigla em inglês de Forças Armadas da Austrália e da Nova Zelândia), que se comemora em 25 de abril. Essa é a celebração nacional mais importante do país. O dia marca o aniversário da primeira grande ação militar travada por forças da Austrália e da Nova Zelândia durante a Primeira Guerra Mundial.

A polícia evitou dar detalhes, alegando que a investigação ainda está em curso e que a divulgação de mais informações poderia atrapalhar o trabalho de apuração, mas confirmou que o adolescente já tinha sido interrogado em 2 de abril, quando portava componentes eletrônicos não especificados.

“O adolescente foi detido em Blackburn, no Noroeste da Inglaterra, no sábado, por suspeita de instigar e preparar atos de terrorismo”, informaram as autoridades britânicas, acrescentando que as informações sobre supostas atividades terroristas já foram transmitidas às autoridades australianas.