Computador mais rápido da AL será inaugurado em Salvador

Será inaugurado no dia 27 de maio, no Senai Cimatec, em Piatã, o supercomputador mais rápido da América Latina. Batizado de Yemoja (nome original de Yemanjá, na língua ioruba), ele funciona no Centro de Supercomputação para Inovação Industrial do Senai.

Computador terá a capacidade para realizar 400 trilhões de operações por segundo
Computador terá a capacidade para realizar 400 trilhões de operações por segundo

O Yemoja será utilizado principalmente em pesquisas em geofísica, mas beneficiará a comunidade acadêmica, a indústria de petróleo e gás e a sociedade em geral. Terá capacidade para realizar 400 trilhões de operações por segundo (TFlops). Um bom computador de casa opera em pouco mais de 100 Gflops.

O Centro de Supercomputação, que receberá R$ 60 milhões em investimentos ao longo de três anos, incluindo equipamentos, infraestrutura, pesquisa e gastos operacionais, também será inaugurado na ocasião.

O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), a Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), o SENAI Nacional, o Governo da Bahia (por meio da Fapesb) e a Intel também são parceiros do Centro de Supercomputação para Inovação Industrial .