Comerciante é assassinado depois de realizar oração em seu estabelecimento

João-Alves-Gonçalves-FilhoJoão Alves Gonçalves Filho, 33 anos, foi surpreendido pelos atiradores no início da tarde desta quarta-feira, 4 de fevereiro, quando fechava seu estabelecimento, o Mercado JE, localizado na rua Esplanada, no bairro Liberdade, em Teixeira de Freitas.

Segundo informações, a vítima, que era da Igreja Deus é Amor, tinha acabado de reunir os funcionários para fazer uma oração e estava saindo para o almoço.

De acordo com o perito Paulo Libório, João foi baleado por nove disparos de arma de fogo e morreu na hora. No local foram encontrados quatro projéteis, mas estavam bastante danificados e só após exames periciais, será possível identificar o calibre da arma usada no assassinato.

A morte de João é a segunda registrada em Teixeira em menos de 12 horas, a população está assustada com a onda de violência. Somente em fevereiro, já foram registrados seis assassinatos e duas tentativas de homicídio.

O delegado Kleber Gonçalves, do Serviço de Investigação em Locais de Crime, instaurou um inquérito para investigar o caso. Fonte: Sulbahianews/Uinderlei Guimarães