Caminhoneiro capixaba morto e filho ferido em acidente na BR-101

capotamento-BR-101-2O capotamento aconteceu por volta das 20h30 de terça-feira, 13 de janeiro, na altura do km 895 da rodovia BR-101, imediações do povoado de Rancho Alegre, em território de Caravelas, e acabou matando o caminhoneiro Fabrísio Ribeiro Ferreira, de 41 anos, morador de Colatina-ES, que viajava em companhia do filho, um menor de 12 anos, o qual ficou ferido e precisou ser socorrido ao Hospital Municipal de Teixeira de Freitas (HMTF), onde permanece internado.
capotamento-BR-101Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o motorista conduzia uma carreta Volvo, de cor branca, placa de frete OVF 9187, licenciada em Cachoeiro do Itapemirim/ES, transportando uma pedra de mármore, quando perdeu o controle da direção, o veículo saiu da pista e tombou de lateral. A pedra bruta de granito que era transportada para a empresa Brasilmag, com sede no Espírito Santo e possuidora de uma pedreira no povoado de Massaranduba, no município de Vereda, caiu no asfalto e abriu uma cratera, o que colocava em risco a vida de outros motoristas e, por isso, demandou horas de trabalho dos agentes da PRF.
Segundo moradores próximos de onde aconteceu o capotamento, a criança acabou arremessada para fora da cabine do caminhão, o que pode ter sido determinante para sua sobrevivência, enquanto o motorista morreu presos às ferragens. O garoto foi socorrido pelo Samu e o corpo do capixaba Fabrísio só terminou retirado após o trabalho de militares do Corpo de Bombeiros de Teixeira de Freitas. Na sequência, o cadáver foi removido ao IML para exames de necropsia. Por Ronildo Brito e Tyago Ramos