Alcoolizado: músico vai preso após acidente com morte na BR-101

Um carro bateu em um barranco, na BR-101, perto de Eunápolis, por volta de 1h30 da madrugada desta segunda-feira (5), deixando uma pessoa morta.

Motorista que bateu em barranco disse que errou o caminho; Acusado foi preso por dirigir alcoolizado
Motorista que bateu em barranco disse que errou o caminho; acusado foi preso por dirigir alcoolizado

Motorista do veículo, o músico Vanilton José Vieira de Souza, 47 anos, falou que perdeu o controle da direção em uma curva no km 723 da rodovia, a cinco quilômetros do centro da cidade.
O carona José Mário Araújo Lima, 52 anos, que estava no banco traseiro, morreu na hora. O terceiro ocupante do automóvel, Selmo dos Reis Oliveira, 38 anos, saiu ileso.
O músico foi preso em flagrante, já que, segundo a Polícia Rodoviária Federal, estava sob efeito de bebida alcóolica.
Vanilton, que é morador de Porto Seguro, foi autuado por homicídio culposo – quando não há intenção de matar e por infringir o Código Brasileiro de Trânsito.

José Mário morreu no local do acidente; Músico foi preso em flagrante
José Mário morreu no local do acidente; Músico foi preso em flagrante

Em entrevista o músico falou que tinha se apresentado em um bar de Eunápolis e, por estar desorientado, se perdeu na rodovia, seguindo em direção a Itabela. Acreditando que estava indo para Porto Seguro, Vanilton falou que cochilou.
O delegado plantonista Robson Almeida afirmou que os crimes não cabem fiança e que o somatório das penas, em caso de condenação, pode chegar a quatro anos de cadeia.
O corpo de José Mário, que era de Arraial d’Ajuda, foi encaminhado para necropsia no Instituto Médico Legal de Porto Seguro. Fonte: Radar 64