Acusado de vender drogas pelo Whatsapp é preso em Alcobaça

Policiais militares lotados em Alcobaça prenderam Victor Silva de Brito, o “Victor Branquinho” ou “Vitinho”, de 18 anos, que já vinha sendo monitorado pelo fato de ser apontado como responsável pela venda de drogas pelo celular.vitinhod

Segundo informações prestadas pelos policiais que participaram da prisão, “Vitinho” foi abordado na rua Mem de Sá, centro de Alcobaça e estava em posse de maconha e cocaína. Logo após a prisão, o Whatsapp do acusado não parava de recebermensagens, quase todas partindo de viciados querendo comprar drogas.

Segundo a polícia, o acusado vinha sendo acompanhado de perto há pelo menos dois meses, já que as denúncias davam conta que o mesmo era contumaz na prática de comercializar entorpecentes usando o sistema de telefonia móvel, especialmente pelo dispositivo Whatsapp.

Após ser preso, Victor Silva de Brito, vulgo “Victor Branquinho” ou “Vitinho”, de 18 anos, foi conduzido à Delegacia da Polícia Civil de Prado, onde acabou sendo indiciado pela delegada substituta Rosângela Santos, com base no Art. 33 da Lei 11.343/2006 – tráfico de drogas. As últimas informações dão conta que o indiciado ainda está na carceragem de Prado, mas será recambiado nos próximos dias para o Conjunto Penal de Teixeira de Freitas (CPTF), onde permanecerá à disposição da Justiça. Por Ronildo Brito